Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Ensino Médio

 

          O Ensino Médio da Escola Paulista atende adolescentes entre 15 e 17 anos de idade, faixa etária na qual acontecem mudanças substanciais de cunho psicobiosocial. Trata-se de uma fase onde profundas transformações acontecem em decorrência natural da vida.

          Nossa proposta cognitiva-pedagógica não se limita ao interesse imediato, pragmático e utilitário. O Ensino Médio está estruturado em consonância com o avanço do conhecimento científico e tecnológico, fazendo da cultura um componente da formação geral, articulada com o trabalho produtivo e vinculada à contextualização dos fenômenos físicos, químicos, biológicos e sociais, procurando integrar humanismo e tecnologia, formação teórica geral e técnico-instrumental.

          Com isso objetivamos uma educação que forma pessoas, capacitando-as à inserção social cidadã, percebendo-se sujeitos de intervenção no seu próprio processo histórico, atentos às transformações da sociedade, compreendendo os fenômenos sociais e científicos que permeiam o seu cotidiano, possibilitando, ainda, a continuação de seus estudos e a preparação para o mercado de trabalho.

          Os princípios que fundamentam nossa escola de maneira ativa e criadora entrelaçando ciência, cultura e trabalho, são:

:: Incentivar o comportamento ético, como ponto de partida para o reconhecimento dos deveres e direitos da cidadania; praticando um humanismo contemporâneo, pelo reconhecimento, respeito e acolhimento da identidade do outro e pela incorporação da solidariedade;

:: Promover a valorização da leitura em todos os campos do saber, desenvolvendo a capacidade de letramento dos alunos e percepção de mundo;

:: Contemplar atividades integradoras de iniciação científica e no campo artístico-cultural; − Garantir o acompanhamento da vida escolar dos estudantes, desde o diagnóstico preliminar, com acompanhamento do desempenho e integração com a família;

:: Incorporar, como princípio educativo, a metodologia da problematização como instrumento de incentivo à pesquisa, à curiosidade pelo inusitado e ao desenvolvimento do espírito inventivo, nas práticas didáticas;

:: Articulação entre teoria e prática, vinculando o trabalho intelectual com atividades experimentais; − Utilizar novas mídias e tecnologias educacionais, como processos de dinamização dos ambientes de aprendizagem;

:: Valorizar práticas desportivas e de expressão corporal, referidas à saúde, à sociabilidade e à cooperação;

:: Estimular as atividades de produção artística que promovam a ampliação do universo cultural do aluno.